Publish or Perish

março 30, 2010

I think it can be usefull for the initial bibiliographical investigation.

10 Desejos para 2010

janeiro 1, 2010

Bem, concluído, sem chance de atraso, o Projeto 2009, é hora de iniciar o Projeto 2010. Uma boa forma de iniciar um projeto é identificar as expectativas dos seus stakeholders. Tarefa difícil para um projeto desse porte! Mas, vamos listar pelo menos algumas expectativas desse stakeholder que vos escreve. Estimulo o leitor a fazer a sua própria lista.

1 Consumo Consciente. Que em 2010 possamos planejar melhor o nosso consumo. Com mais de seis bilhões de pessoas sobre o planeta e a capacidade de consumir sempre aumentando, não há ambiente que consiga ser sustentável. Pensar duas vezes sobre os nosso hábitos de consumo — será que precisamos mesmo deste novo sapato; será que não poderíamos passar mais tempo com meu atual aparelho celular — poderá, numa escala planetária, ajudar o nosso fragilizado planeta a ter mais tempo para se recompor ou ter uma taxa menor de consumo dos seus recursos.

2 Armas de Fogo (no Brasil). Que tenhamos em 2010 menos armas de fogo em circulação e mais armas de fogo registradas. Em 31 de dezembro de 2009 acabou o prazo para registro ou retorno de armas de fogo no Brasil. Em uma conta parcial cerca de 70.000 armas foram registradas mas somente 14.000 devolvidas.

3 Melhor Saúde Pública. Não mais recursos — mas, se for o caso, melhor ainda — mas, principalmente, mais efetividade na aplicação dos recursos destinados a melhorar a saúde pública no Brasil. Que novos modelos de gestão — como vários já em uso no Brasil — possam trazer mais alento e conforto à razão primeira do sistema: o paciente. Que mais informação seja circulada e esquemas simples de marcação de consulta, pela internet e por telefone, sejam efetivamente implantados. Que hospitais sejam realmente hospitais e não gigantescos consultórios médicos — que as unidades descentralizadas possa funcionar 24 horas e de forma perene. Que os médicos tenham tempo para os seus pacientes e não se tornem reféns de objetivos financeiros mensais a serem atingidos.

4 Pontualidade. Que em 2010 vivamos em uma sociedade mais pontual. Pontualidade não como um sistema de escravidão ao tempo mas sim como um sistema que nos permita mais organização e, como consequência, termos mais tempo “livre” e sermos mais criativos e efetivos.

5 Discurso e Prática. Menos distância entre discurso e prática no nosso dia-a-dia. Que compromissos assumidos sejam realmente realizados. Que governos tenham ações efetivas na melhoria dos países e suas populações. Que as intenções de instituições e pessoas sejam expostas com clareza nas conversas e revestidades de honestidade.

6 Corrupção e Competência. Que em 2010 governos e sociedades sejam menos corruptas e mais competentes nas suas ações e nos seus projetos. A grande perspectiva de desenvolvimento para o Brasil em 2010 pode ser ainda maior se o dreno pernicioso da corrupção for diminuído e se soubermos como escolher e conduzir os nossos projetos (conhecimento e know-how).

7 Coleta Seletiva e Reciclagem. Espero termos mais cuidado com o nosso lixo em 2010. Que possamos separar e destinar corretamente o nosso lixo doméstico separando-o nas cinco categorias básicas hoje utilizadas: papel, metal, vidro, plástico e orgânico. Depende muito de nós mesmos.

8 Menos Ansiedade e Mais Reflexão. Que em 2010 sejamos mais reflexivos e menos ansiosos: vamos amadurecer a idéia do projeto antes de iniciar o seu desenvolvimento; deixemos o celular tocando enquanto terminanos aquele banho refrescante ou conversamos com o companheiro sobre a programação do final de semana; marquemos aquela mensagem na caixa postal para decisão em tempo melhor; deixemos aquela pessoa amadurecer antes de exigir dela o que ela ainda não está pronta para dar.

9 Simplicidade e Essência. Busquemos a essência das coisas através de uma vida mais simples. Vivamos esta essência e simplicidade pois é nela que pode residir a felicidade perene e sem sobressaltos. Simples mas não mais simples!

10 Decisões Sábias e Aprendizagem. Finalmente, que em 2010 possamos tomar decisões sábias. E, se tais decisões não tiverem se revelado tão sábias então que possamos aprender com elas.

Lista de Maracatus Rurais de Pernambuco, Brasil

dezembro 27, 2009

[Groups of Maracatus Rurais, Pernambuco, Brazil]

Nazaré da Mata (Terra do Maracatu) | 19 maracatus

  • Maracatu Águia de Ouro de Nazaré
  • Maracatu Águia Misteriosa de Nazaré
  • Maracatu Cambinda Brasileira de Nazaré
  • Maracatu Cambinda Nova de Nazaré
  • Maracatu Coração Nazareno de Nazaré [feminino]
  • Maracatu Estrela Brilhante de Nazaré
  • Maracatu Leão Africano de Nazaré
  • Maracatu Leão Brasileirinho de Nazaré
  • Maracatu Leão Cultural de Nazaré
  • Maracatu Leão de Ouro de Nazaré
  • Maracatu Leão da Selva de Nazaré
  • Maracatu Leão dos Sem Terra de Nazaré
  • Leão Dourado
  • Maracatu Leão Faceiro de Nazaré
  • Maracatu Leão Formoso de Nazaré
  • Maracatu Leão Misterioso de Nazaré
  • Maracatu Leão Nazareno de Nazaré
  • Maracatu Piaba Dourada de Nazaré
  • Maracatu Sonho de Criança de Nazaré [mirim]

Aliança | 3 maracatus

  • Beija Flor
  • Estrela de Ouro
  • Leãozinho

Araçoiaba | 8 maracatus

  • Maracatu Águia de Ouro de Araçoiaba
  • Maracatu Cambindinha de Araçoiaba
  • Maracatu Leão Coroado de Araçoiaba
  • Maracatu Leão das Cordilheiras de Araçoiaba
  • Maracatu Leão de Ouro de Araçoiaba
  • Maracatu Leão do Norte de Araçoiaba
  • Maracatu Leão Faceiro de Araçoiaba
  • Maracatu Pingüim de Araçoiaba

Buenos Aires | 3 maracatus

  • Maracatu Estrela Dourada de Buenos Aires
  • Maracatu Leão Vencedor de Buenos Aires
  • Maracatu Leão Mimoso de Buenos Aires

Camaragibe

  • Maracatu Fonte de Aldeia

Carpina | 7 maracatus

  • Maracatu Cambindinha Dourada de Carpina
  • Maracatu Estrela Brilhante de Carpina
  • Maracatu Leão Brasileiro de Carpina
  • Maracatu Leão de Ouro de Carpina
  • Maracatu Leão Devorador da Floresta de Carpina
  • Maracatu Leão Vencedor de Carpina
  • Leão das Flores
  • Leãozinho das Flores

Chã de Alegria | 4 maracatus

  • Águia Misteriosa
  • Leão Coroado
  • Leão Vencedor
  • Pavão Dourado

Condado

  • Maracatu Leão de Ouro Condado
  • Maracatu Leão de Ouro de Condado

Canaã

  • Maracatu Leão de Ouro de Canaã

Feira Nova

  • Maracatu Leão Formoso de Feira Nova

Ferreiros | 1 maracatu

  • Águia de Fogo

Glória de Goitá | 4 maracatus

  • Águia Dourada
  • Carneiro Manso
  • Leão do Norte
  • Maracatu das Cordilheiras

Goiana

  • Maracatu Leão da Fortaleza de Goiana
  • Maracatu Leão da Serra de Goiana

Itambé

  • Maracatu Leãozinho das Flores de Itambé

Lagoa do Carro

  • Maracatu Estrela da Tarde de Lagoa do Carro

Lagoa de Itaenga

  • Maracatu Leão Coroadinho Lagoa de Itaenga
  • Maracatu Leão da Glota de Lagoa de Itaenga
  • Maracatu Leão da Serra de Lagoa de Itaenga
  • Maracatu Leão Teimoso de Lagoa de Itaenga
  • Maracatu Pavão Dourado Lagoa de Itaenga
  • Maracatu Leão da Floresta de Lagoa de Itaenga

Itaquitinga

  • Maracatu Leão da Mata de Itaquitinga

Feira Nova | 1 maracatu

  • Maracatu Leão da Paz Feira Nova

Olinda | 3 maracatus

  • Águia de Ouro
  • Maracatu Leão Brasileiro de Olinda
  • Maracatu Leão da Mata Norte de Olinda

Paudalho | 6 maracatus

  • Cambinda Estrela
  • Leão Coroado
  • Leão de Campina
  • Leão do Norte
  • Leão Teimoso
  • Leão Vencedor

Recife | 2 maracatus

  • Cruzeiro do Forte
  • Leão da Serra

São Lourenço da Mata | 1 maracatu

  • Estrela da Tarde

Tracunhaém | 7 maracatus

  • Águia Formosa
  • Estrela
  • Leão Formoso
  • Leão Misterioso
  • Leão de Ouro
  • Pavão Dourado
  • Pavão Misterioso

Upatininga

  • Maracatu Pavão Misterioso de Upatinga

Vicência

  • Estrela Guia

Vitória de Santo Antão

  • Maracatu Leão da Vitória
  • Maracatu Pavão Dourado do Alto da Brasileira
  • Maracatu Leão Coroado de Afogados
  • Maracatu Leão da Serra do Alto da Brasileira

Roupa do Caboclo de Lança

dezembro 27, 2009

Chapéu, surrão, gola e guiada do caboclo Hermano.

Preços estimados para alguns itens do surrão (em 2000):

Chocalhos: R$ 90,00
Franja: R$ 20,00
Madeira: R$ 10,00
Parafuso: R$ 10,00

O item mais caro foi a gola. Comprei o material e paguei a mão-de-obra. Mestre Barachinha foi também o grande mestre da gola.

Limpeza na Rosa e Silva em plena sexta às 15h30

agosto 22, 2009

É impressionante o descaso e a falta de planejamento dos órgãos municipais no que diz respeito a intervenções urbanas que atrapalham o já caótico trânsito nas grandes cidades brasileiras.

Na sexta-feira, 21 de agosto de 2009, por volta das 15h30, vários trechos (da faixa da esquerda, pasmem!) da Av. Rosa e Silva, em Recife, estavam interditados por conta de limpeza urbana — basicamente, pelo que percebi, serviço de varrição — causando um grande congestionamento na via que é o principal corredor de acesso aos bairros de Parnamirim, Casa Forte, Casa Amarela e Apipucos.

Existe, além do desrespeito ao cidadão, uma falta de integração completa entre a Emlurb e a CTTU. Acionei de imediato o 0800 da CTTU mas, acredito que pouco tenha sido feito, dado o contexto da situação.

Vamos trabalhar com mais integração por favor!

Dia 1: Léon-Villadangos del Páramo

agosto 22, 2009

DSC09918Dia 1 (22 julho 2009); Léon-Villadangos del Páramo; 22 km

Saimos do Hostal Gusman el Bueno (em Léon) às 7h05min. Chegamos a Villadangos del Páramo às 11h40: uma caminhada de 4h e 35min. Acho que até poderíamos ir um pouco mais à frente — apesar de um inínio de dores nos pés e nas costas — mas achamos mais prudente ficarmos aqui que era o nosso objetivo para este primeiro dia.

Como saímos do centro de Léon — uma cidade grande — acho que andamos cerca de 22 km (uma média de 4,8 km por hora). Durante a caminhada a temperatura oscilou entre 17 e 20 graus e sem sol pois o céu estava nublado.

A surpresa do dia foi encontrar uma cesta com alimentos para o peregrino em um banco de madeira no povoado de San Miguel del Camino.

Nos hospedamos no Albergue Municipal de Villadangos del Páramo. O albergue é bem estruturado com uma grande ala com cerca de 80 camas mais alguns comodos com 2 treliches em cada um deles. Ficamos em um desses comodos acompanhados pela nossa primeira amiga do caminho: Gootan (!) uma jovem e simpática sul-coreana, universitária, com a qual conseguíamos nos comunicar em inglês. O albergue tem cozinha, WCs e área para refeições. Tudo administrado por uma pessoa: a simpática hospitaleira Mayte. Abre às 11h30 e temos que sair entre 6h e 8h. Fecha as portas e apaga as luzes às 22h.

Após este primeiro dia de caminhada o que mais incomoda são os pés, certamente a principal parte do nosso corpos nesse e nos próximos dias. Andar de sandália havaiana depois da caminhada é um grande alívio e prazer.

Tinha feito um planejamento para a caminhada (talvez não devesse fazê-lo mas como um bom gerente de projetos e por ter de voltar dia 8 ao Brasil e dar uma passada em Madri antes achei prudente ter um plano) segundo o qual chegaremos em Santiago no dia 2 de agosto.

Aqui vai o roteiro da caminhada

julho 10, 2009

Serão 311 km! Partindo de Léon e terminando em Santiago de Compostela. Tentaremos fazer em 13-15 dias. Vejam abaixo o roteiro previsto:

22 Leon 17km
French Way Section 6 23 Villadangos del Paramo 22km
24 Astorga 26km
The Mountains of the Templars 25 Rabanal del Camino 19km
26 Ponferrada 32km
French Way Section 7 27 Villafranca del Bierzo 23km
28 O’Cebreiro 28km
Mountains of O’Ceibreiro 29 Triacastela 21km
30 Sarria 21km
French Way Section 8 31 Portomarin 23km
32 Palas do Rei 23km
Galicia, the last 100 km! 33 Arzua 28km
34 Rua-Opino 18km
35 Santiago de Compostela 12km

Até a próxima!

A Caminhada Vai Começar

julho 3, 2009

Aqui começo o meu relato de mais um projeto-viagem: o Caminho de Santiago de Compostela!

O Caminho de fato começa bem antes do início da caminhada. Comecei, como não poderia ser diferente, pesquisando a internet. Tem muito coisa sobre o caminho. Também comprei dois livros sobre o caminho, um livro sobre alongamento – comecei a me alongar mais seriamente (até antes de decidir fazer o caminho, mas que veio bem a calhar) – e li uma cópia (bem velhinha dada pela amiga Jaqueline) de O Diário de um Mago, de Paulo Coelho. Se tiver que escolher uma data para o início do projeto seria 2 de maio de 2009 (data da compra dos livros).

Michael Jackson chamou o SAMU

junho 27, 2009

Pois é! Pasmem. O SAMU (a versão americana – fone 911) foi chamado para socorreu o rei do pop Michael Jackson. Sem dúvida o SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Emergência (fone 192) é um dos serviços mais louváveis implantados no Brasil nos últimos anos. Claro que muito precisa ainda ser feito para consolidar e melhorar o serviço; com o desafio adicional de não deixá-lo mergulhar em um ambiente de ineficiência progressiva e falta de gestão que contamina, com o passar do tempo, vários serviços providos pelo governo no Brasil. O pedido de ajuda ao 911, na tentativa desesperada de salvar o astro, revela o quanto o serviço de ambulâncias está no sangue da sociedade americana (e de várias outras sociedades de países desenvolvidos). O bom atendimento do serviço demonstra, acima de tudo, uma preocupação e respeito pela plenitude da vida. Vamos apoiar o SAMU para termos ele ao nosso lado nos momentos mais difíceis.

O Iron Maiden arrasou em show inesquecível

abril 5, 2009

No último dia 31 de março (2009) a banda inglesa Iron Maiden fez sua primeira (e histórica) apresentação em Recife. Um espetáculo! Goste você ou não do heavy metal, o show – Somewhere Back in Time – foi daqueles que vale cada segundo. Alguns pontos merecem destaques.

O sucesso foi por conta da qualidade dos músicos – o vocalista, os três guitarristas, o baixista e o baterista demonstraram o que é qualidade musical e sinergia de equipe no palco. O resultado foi maior do que a soma dos valores individuais de cada um dos músicos. Um excelente som e na altura certa (e pasmem: provavelmente com um volume menor do que muito show de bandas de rock nacionais e até de outros gêneros). Som no volume certo para uma qualidade musical impecável!

O show começou pontualmente às 21h. Pasmem: mesmo com um público estimado em 20 mil pessoas, uma estrutura gigantesca e um local que estava sendo usado pela primeira vez para shows deste tipo (o Jockey Clube de Pernambuco) a pontualidade foi britânica! Um exemplo de referência para todos nós: artistas e sociedade brasileiros.

A energia dos componentes da banda – alguns já com mais de cinquenta anos – foi impressionante. Como pode uma banda com 35 anos de existência e sei lá quantas apresentações manter tal energia e vitalidade. Todos drogados!! Certamente não meu amigo. E esta energia contagiou os fãs que retribuiram com muita energia e cantando, em inglês, as músicas da banda. Em particular a empatia do vocalista Bruce Dickinson com o público e Recife foi contagiante. Até uma coruja branca (coruja das torres) veio ver a banda através de um sobrevoo sobre a platéia. Fear of the dark!

A platéia foi outro show à parte. Pessoas de vários estados do Norte e do Nordeste presentes. Difícil foi achar alguem sem uma camisa (preta) do Iron Maiden. Muita vibração demonstrada na dança pulada com as mãos para o ar. E, claro, cantando com a banda. “Agora já posso morrer!” expressava bem o espírito que invadia os fãs.

Finalmente, a organização foi cuidadosa. Portões abertos logo cedo, serviço de bebida eficiente e seguro, seguranças educados e alinhados com os objetivos do show. Nem uma ocorrência de briga ou manifestação de violência. Padrão a ser seguido e que abriu o caminho para novas bandas – que tiveram papel importante na vida de tanta gente por aqui e que nunca teriam oportunidade de ve-las ao vivo – venham mostrar sua arte por estas bandas.